Produção de Banana Desidratada

Produção de Banana DesidratadaFruta bastante comum no Brasil, são diversos os produtos que podem ser feitos a partir da banana, mas atualmente existe um em particular que pode ser uma nova possibilidade de ganhar dinheiro: a banana desidratada.

Mas por que consumir a fruta dessa forma e o que isso interfere na escolha de abertura de um empreendimento?

As frutas desidratadas são consumidas, porque podem ser conservadas por muito mais tempo e isso pode ser um diferencial para determinados grupos de consumidores, que porventura ainda não estejam sendo satisfeitos por tudo aquilo que já existe por aí.

Evite Cometer o ERRO dos Empreendedores de 1ª Viagem!

Saiba quais são as 3 perguntas que você deve responder antes de iniciar o negócio para proteger seu investimento e aumentar suas chances de sucesso. Saiba mais.


Portanto, pode ser um caminho para quem está procurando ideias que ainda não são muito exploradas.

Mercado para a produção de banana desidratada

Um ponto positivo nesse setor de atividade é que o nosso país é um dos maiores produtores de banana do mundo, sendo assim, a chance de explorar os benefícios dessa comercialização são muito grandes.

Além disso, em terras tupiniquins existem muitas academias de ginástica, bastante preocupação com o corpo e a banana desidratada é excelente para ser consumida antes, durante e depois dos exercícios para auxiliar na construção de massa muscular.

Unindo então essas duas perspectivas, o que pode ser levado em conta é que há uma chance de atuação bem grande.

Porém, embora haja esses dois lados positivos, há um terceiro que pode ser encarado como uma ameaça a uma ideia de negócio, dependendo do ângulo de visão que cada empreendedor tem.

No caso de banana desidratada, embora haja grande potencial para sua expansão, o mercado interno encontra-se estagnado e as exportações são quase nulas.

No Brasil, a produção de frutas desidratadas ainda é feita basicamente de maneira artesanal e o seu consumo é restrito às grandes cidades e classes sociais mais elevadas.

Portanto, dentro desse panorama de situação do mercado, é possível verificar algumas lacunas que ainda podem ser preenchidas: empresas ou pessoas que estejam dispostas a consumir a banana desidratada no setor fitness ou em outras áreas, grande produção frutífera brasileira que ajuda na obtenção de bons preços, possibilidade de criação de produtos para exportação e exploração de necessidades e desejos dos consumidores. Além de novas ideias que surgirem conforme as pesquisas forem mostrando novos dados.

Conhecer a fundo e ainda caracterizar quem serão os futuros clientes, o que eles esperam dos produtos a serem oferecidos e quais motivos fazem com que comprem, são razões que o dono do negócio deve colocar no papel quando fizer seu planejamento para saber quanto investir.

Localização

O imóvel de uma fábrica de banana desidratada deve estar bem perto da sua clientela, para não perder dinheiro com muito investimento feito em transporte e armazenagem, por exemplo.

A definição de onde funcionará toda a produção deverá seguir diretrizes impostas pelo plano diretor urbano, que existe em quase todas as cidades brasileiras. É esse plano que vai definir que atividades poderão ser exercidas ou não em determinadas localidades.

É necessário ainda verificar se o imóvel possui toda infraestrutura necessária, como água, luz, telefone, rede de esgoto, segurança pública e ruas urbanizadas.

Isso porque se a localidade sofre com inundações ou formação de muita lama, ela não é indicada para abrigar o empreendimento, pois esses pontos são desfavoráveis à logística de entrega de produtos, de chegada dos clientes, fornecedores etc.

Estrutura para a produção de banana desidratada

A estrutura básica de uma produção de banana desidratada consiste em ter um galpão que será dividido em quatro ambientes: um para escritório, outro para armazenagem da matéria-prima, outro para a produção e expedição.

É vital ter na fábrica o secador, mais conhecido como desidratador. Caso não tenha, uma estufa pode ser usada também.

Também é preciso ter bandejas, utensílios, carrinhos, sistemas de ventilação, de aquecimento, câmara de sulfuração e formatador de moldes.

Corpo de funcionários necessários

Para compor o corpo de funcionários é preciso reunir um técnico de alimentos, auxiliares de produção um coordenador de vendas, um responsável por receber as pessoas e ainda um a cuidar da expedição.

Determinadas características desses funcionários são essenciais para garantir o sucesso do negócio: bom atendimento, espontaneidade na orientação dos clientes, presteza, determinação, paciência, articulação, equilíbrio emocional, pró-atividade, iniciativa e agilidade. Tudo isso pode ser obtido por meio de treinamentos, caso nem todos tenham essas qualidades na sua totalidade.

Processo produtivo

O processo produtivo acontece em algumas etapas. A primeira é a colheita, que deve ser feita um dia antes do processo de desidratação. As frutas aqui devem estar bem maduras e não podem estar podres e as mais indicadas são a nanica e a d’água.

Posteriormente, os cachos são separados manualmente. Na fase de preparação, as bananas são lavadas três vezes, sendo a primeira em água corrente, a segunda em imersão em água clorada e a terceira em água corrente novamente.

A etapa seguinte é o descascamento, que após isso são lavadas em um recipiente onde ficam imersas para que aquela película branca (mesocarpo) possa sair. A sulfonação é o processo pelo qual as ações enzimáticas da fruta são neutralizadas.

Depois de tudo isso é que ocorre a desidratação em estufas ou secadores. Ela acontece quando a temperatura do produto é muito aumentada e isso faz com que ocorra a evaporação da água. Ao mesmo tempo, a circulação forçada do ar tira do local a umidade que foi evaporada.

Essa retirada do líquido da banana é simples, rápida e muito limpa, porque no decorrer do procedimento a fruta não fica exposta à poeira, insetos ou qualquer outra maneira de contaminação, desse jeito, não há a possibilidade de microorganismos desenvolverem-se e que fariam o alimento apodrecer.

Já desidratadas, elas são embaladas em papel celofane transparente, para que o consumidor possa verificar a qualidade do produto.

O prazo de validade é de cerca de quatro meses.

Dicas de negócio

Boas orientações para conquistar os objetivos empresariais são as seguintes: ter uma visão crítica a respeito do presente e do futuro da empresa e do mercado, ver o produto pelo olhar do consumidor e a partir disso identificar o que pode ser melhorado, encontrar áreas que não são beneficiadas por ações dos concorrentes podendo torná-las em segmentos e ainda vivenciar o dia a dia de todo o ciclo da atividade.

Por exemplo, no caso da comercialização da banana desidratada, é essencial que o dono do negócio conheça quem é seu fornecedor, como ele trabalha, quem é seu cliente e tudo aquilo que envolve o seu setor de atuação.

Outra dica para quem vai abrir uma produção como essa é usar a estufa no lugar do secador se a produtividade objetivada for pequena.

Em um mercado como esse, que está estável, é importante escolher o preço adequado. Conciliar o desejo do consumidor e a expectativa de lucro do empreendedor é um desafio.

Assim, uma sugestão para poder ter ideias de como conciliar ambos os interesses é fazer cursos que deem todas essas orientações. Ir a eventos, feiras e congressos que estejam ligados a esse ramo de atividade também é muito importante.

Ficou interessado na produção de banana desidratada? Compartilhe:

★ Dica Importante!

Para qualquer negócio que você for montar é importante fazer um planejamento. Para isso, estude em livros, contrate uma consultoria ou use o Kit Novo Negócio.

Enfim, escolha a opção que mais lhe agrada, apenas NÃO ARRISQUE suas economias e o bem-estar da sua família em um chute!



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here